sexta-feira, 19 de abril de 2013

O 'desconcentrado' volta sempre ao local de 'desconcentração'



Apesar de não fazer parte do grupo coral 'à Capela', o fiscal de linha que ofereceu o titulo do ano passado aos andruptos, permitindo assim ao seu chefe ir arbitrar ao mais alto nível na UEFA, foi nomeado para  derbi de domingo. 
"Ricardo Santos, árbitro assistente do Benfica-F.C. Porto da Liga 2011/12, falou neste sábado do polémico golo de Maicon, que deu a vitória aos «dragões» na Luz. 
«Foi um momento de desconcentração. Tratou-se de um erro de avaliação que analisei com os técnicos de arbitragem. Vou continuar a trabalhar para que não volte a acontecer uma situação deste género. Foi um erro que serviu para evoluir, foi uma aprendizagem», explicou o árbitro, citado por «A Bola», referindo-se à posição ilegal de Maicon no momento em que o livre foi cobrado."
É à descarada mesmo... Só um grande Benfica vai ultrapassar todos os obstáculos.




10 comentários:

  1. Mais ou menos visíveis, são as armadilhas e as tramóias que vamos ter de ultrapassar.

    ResponderEliminar
  2. é marcar o cabrão em cima. Cada vez que se der por ele terá que sentir a nossa raiva!

    ResponderEliminar
  3. Eu tenho quase a certeza, que foi o mesmo que não viu o Cardoso agarrar a bola dentro da área do Benfica!! O ano passado, o Benfica foi prejudicado em Guimarães, na Académica, não foi na Luz com o Porto!! Nesse jogo o Porto foi superior. Vocês, tal como o ano passado, são a melhor equipa e a que melhor pratica futebol. Mas não adormeçam, pois o vosso JJ, inventa sempre nestas alturas!! Bom fim de semana. Saudações desportivas :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Atenção que não estou a dizer que o golo não estava fora do jogo!! Estava!! Mas assim sendo, tb existiu um penalti não assinalado... :)

      Eliminar
    2. E existiu um corte com a mão, à descarada, feito pelo Lucho Gonzalez, no lance do 1º golo do Porto.
      Lá porque a SporcoTV não quis passar repetição não quer dizer que seja para esquecer

      Eliminar
  4. O árbitro João Capela foi o árbitro que mostrou o cartão vermelho ao Óscar Cardozo por ter dado um murro na relva.

    - Já vi o James Rodriguez do FoiComPutedo dar um murro no estômago de um adversário e mesmo assim ter o Manuel Queirós a cúmentar que foi um cartão vermelho "forçado".
    - Ou o Beluschi do FoiComPutedo a dar uma peitada no árbitro e a não ser expulso.
    - Ou o árbitro João Pratas a fugir de meia equipa do FoiComPutedo e também ninguém a ser expulso.

    Mas ver um jogador ser expulso por agressão à relva nunca vi em nenhum jogo de futebol em todo o mundo a não ser nesse jogo que o João Capela expulsou o Cardozo. Juntem ao árbitro este fiscal-de-linha "superstar" tipo Proença e o campeonato pode muito bem ficar entregue este Domingo.
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  5. TÁ DIFICIL METER PRESSÃO NESSE CABRÃO??? SEMPRE QUE ESSE BOI DER UM PASSO, TEMOS QUE IR PRA CIMA DELE, BERRAR, CUSPIR, AMEAÇAR DURANTE 95MNS, O CABRÃO QUERER DAR UMA FARPINHA E BORRAR-SE TODO. A NOSSA MEMEORIA ESTÁ BEM FRESCA, VAMOS PARA CIMA DOS BOIS DE NEGRO OU AMARELO, VAMOS FAZE-LOS SENTIR A NOSS RAIVA CARALH*!!!

    ResponderEliminar
  6. Há que criar um ambiente que os faça ter medo de errar.

    Para já meia dúzia de ovos atirados aos popós dos meninos quando tiverem a chegar ao estádio. Ou um baldezinho de tinta azul, que eles tanto gostam

    Chamar-lhes de tudo, insultá-los até à milésima geração, durante o tempo todo que estiverem no estádio.

    Insultá-los se não marcarem falta. Insultá-los se marcarem mas não derem amarelo. Insultá-los se derem amarelo e não vermelho. Mesmo que dêem vermelho insultá-los na mesma.

    ResponderEliminar

Caro(a) Benfiquista.
Aqui, no nosso blogue, a sua opinião é importante
Contribua para o debate livre.
Opine sobre o seu clube!